Perguntas e respostas sobre o Regime de Tratamento Excepcional (RTE) na UNIFEI

  O Regime de Tratamento Excepcional (RTE) permite que todos os alunos dos cursos presenciais de graduação da UNIFEI realizem atividades pedagógicas domiciliares, partindo do princípio que os estudantes estão impossibilitados de frequentar temporariamente as aulas presenciais na universidade, conforme disposto no Art. 68 da Norma de Graduação da UNIFEI. O RTE não é o mesmo que oferta de EaD, embora possa utilizar tecnologias de informação e comunicação para que as tarefas sejam realizadas. Neste regime os alunos recebem de cada docente um roteiro semanal de estudos que pode conter exercícios para fixação do conteúdo, notas de aula, texto para leitura, vídeos ou outras tarefas compatíveis com atividades em domicílio. O roteiro poderá contemplar, a critério dos docentes, encontros virtuais com os alunos.

Acesse o arquivo do FAQ atualizado (Versão 05 – 08/05/2020)

 

A SECOM convidou alguns docentes para esclarecerem dúvidas comuns sobre o RTE e as decisões recentes do CEPEAd.

Os docentes falam sobre a condução do RTE, a atuação institucional para apoio aos discentes, os índices acadêmicos, o Centro de Educação entre outros temas.

  • 1m 30s – Como a administração está conduzindo o acompanhamento do RTE
  • 3m 25s – O trabalho da PRG durante o RTE
  • 4m 45s – A atuação institucional para apoio aos discentes
  • 7m 15s – Sobre o cálculo dos índices acadêmicos
  • 8m 35s – O papel do CEDUC durante o RTE
  • 12m 10s – Perspectivas sobre o futuro
  • 16m 15s – Palavra da administração