Professores e aluno da Unifei recebem prêmio na 25ª International Conference MixDes 2018

A 25ª International Conference MixDes 2018 aconteceu na Polônia.

O professor Tales Cleber Pimenta apresentou o artigo premiado na conferência.

Certificado recebido pelos professores Tales e Robson e o aluno Gabriel, da Unifei, pelo artigo apresentado na 25ª International Conference MixDes 2018.

 

 Os professores Tales Cleber Pimenta e Robson Luiz Moreno, do Instituto de Engenharia de Sistemas e Tecnologia da Informação (Iesti), juntamente com o aluno Gabriel Souza do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica da Universidade Federal de Itajubá (Unifei), receberam um prêmio pelo artigo apresentado na 25ª International Conference MixDes 2018, realizada na Polônia.

 Segundo o professor Tales, o artigo premiado tratou do funcionamento de um modelo de classificação inteligente, voltado para rotulagem de diversos tipos de movimentos de um membro humano amputado. “Através do sinal mioelétrico (sinal elétrico coletado da pele e proveniente dos músculos) é possível distinguir diversos tipos movimentos e embarcá-lo em uma prótese. O trabalho visava encontrar a melhor relação custo benefício, entre tempo de treino e acurácia”, afirmou o professor.

 Tales reafirmou a importância da elaboração de trabalhos na Universidade, citando como exemplo o que deu origem ao artigo premiado. “Como o campo de inteligência artificial tem se mostrado relevante, encontramos uma boa oportunidade de pesquisa, alinhando sinais elétricos biológicos e aprendizado de máquina. Além do mais, ainda não há uma solução robusta capaz de contornar de maneira efetiva os traumas causados a pessoas que perderam algum membro devido a algum evento infortúnio. Assim, o trabalho objetivou encontrar a melhor configuração de software, antes de desenvolver um hardware capaz de ajudar essas pessoas nas tarefas do dia a dia”, disse o professor.

 O trabalho foi desenvolvido nas dependências da Unifei, como parte do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica, e a viagem dos professores e do aluno à Polônia foi custeada com recursos do Programa de Apoio à Pós-Graduação (Proap).

A conferência

 O congresso anual MixDes começou em 1994 e tem por objetivo fornecer um fórum para apresentação e discussão dos recentes avanços em projeto, modelagem, simulação, teste e manufatura nas áreas de micro e nanoeletrônica, semicondutores, sensores e atuadores.

 O evento é endossado pelo Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos (IEEE), fundado nos Estados Unidos em 1963. A edição desse ano reuniu a apresentação de 92 artigos, de 27 países, incluindo outros oito artigos de autores convidados.