Pós-Graduação

A Universidade Federal de Itajubá – UNIFEI – tem atuado com excelência científica em algumas áreas das Engenharias e Ciências Exatas e da Terra. Nos últimos anos, com os novos Programas de Pós-graduação aprovados pela CAPES, tem expandido sua atuação para Ciências da Computação, Ciências Ambientais e Interdisciplinar. A UNIFEI conta hoje com 15 cursos de Pós-Graduação, distribuídos em 11 Programas, que são:

  1. Engenharia Elétrica, com mestrado e doutorado – nota 5 pela CAPES (Grupo Engenharia IV), abrigado pelos Institutos de Sistemas Elétricos e Energia (ISEE) e de Engenharia de Sistemas e Tecnologias da Informação (IESTI);
  2. Engenharia Mecânica, com mestrado e doutorado – nota 4 pela CAPES (Grupo Engenharia III), abrigado pelo Instituto de Engenharia Mecânica (IEM);
  3. Engenharia de Produção, com mestrado e doutorado – nota 5 pela CAPES (Grupo Engenharia III), abrigado pelo Instituto de Engenharia de Produção e Gestão (IEPG);
  4. Materiais para a Engenharia, com mestrado e doutorado – nota 3 pela CAPES (Grupo Engenharia II), abrigado pelo Instituto de Física e Química (IFQ);
  5. Engenharia da Energia, com mestrado – nota 3 pela CAPES (Grupo Engenharia III), abrigado pelos Institutos de Recursos Naturais (IRN) e de Sistemas Elétricos e Energia (ISEE);
  6. Física e Matemática Aplicada, com mestrado – nota 3 pela CAPES (Grupo Ciências Exatas), abrigado pelo Instituto de Física e Química (IFQ);
  7. Meio Ambiente e Recursos Hídricos, com mestrado – nota 4 pela CAPES (Grupo Ciências Ambientais), abrigado pelo Instituto de Recursos Naturais;
  8. Ciência e Tecnologia da Computação, com mestrado – nota 3 pela CAPES (Grupo Ciência da Computação), abrigado pelo Instituto de Engenharia de Sistemas e Tecnologias da Informação (IESTI) e pelo Instituto de Matemática e Computação (IMC);
  9. Ensino de Ciências, com mestrado profissional – nota 3 pela CAPES (Grupo Ensino), abrigado pelo Instituto de Física e Química (IFQ);
  10. Engenharia de Materiais, com mestrado profissional – nota 3 pela CAPES (Grupo Engenharia II), abrigado pelos Institutos de Engenharia Mecânica (IEM), de Física e Química (IFQ)  e de Recursos Naturais (IRN);
  11. Desenvolvimento, Tecnologias e Sociedade, com mestrado – nota 3 pela CAPES (Grupo Interdisciplinar), abrigado pelo Instituto de Engenharia de Produção e Gestão (IEPG).

O corpo discente total na Pós-Graduação Strictu Sensu da UNIFEI é de cerca de quinhentos alunos. Este número deve crescer de forma significativa nos próximos anos, com a abertura dos programas dos novos programas de mestrado e doutorado.
A UNIFEI estabeleceu uma política de desenvolvimento institucional, onde a geração e a aplicação do conhecimento passam a ocupar um lugar central no direcionamento das ações. Neste contexto, priorizaram-se os investimentos em atividades de pesquisa que possam levar ao desenvolvimento de produtos tecnológicos e que possam ter impactos regionais relevantes para a sociedade.
A UNIFEI conta, atualmente, com pesquisadores atuando em cerca de 50 Grupos de Pesquisa, distribuídos em laboratórios de pesquisa, cujos principais equipamentos são relacionados a seguir:

  • Centro de Excelência em Energias Renováveis (instalações de micro-centrais; energia eólica, solar, biomassa, dendro-energia, agro-energia);
  • Laboratório de Refrigeração e Ar Condicionado (câmara frigorífica de 12 m2 com evaporador e ventilador; sistema de refrigeração com compressor frigorífico Bitzer; condicionador de ar especial; módulos remotos de aquisição de dados de temperatura e pressão – “fieldbus”);
  • Laboratório de Ensaios Destrutivos e Não-Destrutivos (máquina universal de ensaios com capacidade para 10 toneladas; máquina hidráulica; máquina de ensaio de fadiga por flexão; máquinas de ensaios de impacto);
  • Laboratório de Mecânica dos Fluidos (túnel de vento; separação de partículas e ar usando ciclones);
  • Laboratório de Vibrações e Acústica (analisadores de sinais dinâmicos FFT; filtros analógicos; analisador de vibrações);
  • Laboratório de Expressão Gráfica (microcomputadores, scanner, ploter);
  • Laboratório Hidro-mecânico para Pequenas Centrais Hidrelétricas (freio eletrodinamométrico; manômetro de peso; bombas; desgaseificador; transdutores de pressão e de posição);
  • Laboratório de Máquinas Térmicas (calorímetro adiabático Labor para combustíveis sólidos e líquidos; cromatógrafo de gases; analisador de gases de combustão; freios hidráulicos; grupo gerador diesel-elétrico; turbina a vapor);
  • Laboratório de Automação da Manufatura (centro de usinagem vertical; centro de torneamento);
  • Laboratório de Metrologia Dimensional (máquina de medição universal; projetor de perfil; rugosímetro; laser interferométrico; sistemas de medição de alinhamento óptico);
  • Laboratório de Soldagem (máquina de corte por plasma a ar; conjuntos completos de soldagem MIG/MAG; central de soldagem universal);
  • Laboratório de Metalurgia e Materiais (microscópios metalográficos; fornos elétricos; forno com atmosfera controlada; equipamentos para realização de ensaios de microdureza; medidores de macrodureza);
  • Laboratório de Microbiologia e Limnologia (ultrasom, autoclave, estufa bacteriológica, câmara de segurança biológica, microscópios);
  • Laboratório de Recursos Hídricos (estação meteorológica; estação hidrométrica);
  • Laboratório de Acionamentos Elétricos (simuladores de transmissão em corrente contínua; módulos de acionamento de máquinas);
  • Laboratório de Alta Tensão (gerador de impulso de 1,2 KJ e 450 KV; transformador; sistema de envelhecimento de cabos e barras de geradores; sistema para ensaio de rigidez dielétrica, sistemas de correntes contínua e alternada);
  • Laboratório de Eletromecânica para Pequenas Centrais Hidrelétricas (freios eletrodinamométricos; transformadores diversos; osciloscópio digital);
  • Laboratório de Cristalografia (microscópio de polarização);
  • Laboratório de Espectrofotometria (espectrofotômetros, balança analítica);
  • Laboratório de Preparação de Amostras (politrizes, muflas);
  • Laboratório de Análise Térmica (analisador termogravimétrico, célula para calorimetria exploratória diferencial, módulo para análise termomecânica);
  • Laboratório de Microondas (osciloscópio analisador de espectro);
  • Laboratório de Computação Não-Linear;
  • Laboratório de Reologia (microscópio ótico, peneirador automático);
  • Laboratório de Caracterização Eletro-Optica de Materiais Semicondutores (eletrômetros, criostato, fonte de tensão digital, sistema de vácuo, sistema de baixa temperatura, eletroímã de até 1,5 T);
  • Laboratório de Visão Computacional (braço de robô, sistema de visão computacional B&W e a cores);
  • Laboratório de Eficiência Energética (em fase de construção);
  • Laboratório de Síntese e Caracterização de materiais (reostatos descontínuos de polimerização, refratômetros, extrator soxhlet, colunas de destilação, balanças analíticas);
  • Laboratório de Caracterização Eletro Óptica de Materiais Semicondutores (eletrômetros, criostato, fonte de tensão digital, sistema de vácuo, sistema de baixa temperatura, eletroimã de até 1,5 T);
  • Complexo Laboratorial de Biomateriais (MEV, DSC, Espectrofotômetro Infra-Vermelho, banho termostático, autoclave, reator de polimerização) – Em fase de construção do prédio, com equipamentos em fase final de aquisição.

Com respeito à produção tecnológica, o indicador universal de maior importância é a produção de patentes. A UNIFEI já apresentou alguns pedidos de proteção intelectual de trabalhos realizados, que foram encaminhados ao INPI para registro; e implantou um novo órgão, o Núcleo de Inovação Tecnológica e Transferência de Tecnologia – NITTE, que é responsável pelos procedimentos de acompanhamento e apoio a pesquisa tecnológica, incluindo encaminhamentos de trabalhos para registro no INPI.


AVALIAÇÕES PPG

EDITAIS PPG