Campus Itajubá

 

Equipe Ex Machina

A Ex Machina é um grupo de pesquisa da Universidade Federal de Itajubá que desenvolve dispositivos, técnicas e processos para o aumento da performance humana, com foco na melhoria da qualidade de vida de pessoas com algum tipo de deficiência física, tentando devolver a elas algumas das funções básicas do corpo humano.

 Iniciada em 2014 por alunos da Unifei em parceria com professores de diferentes áreas, a Ex Machina é pioneira nesse ramo no meio acadêmico e queremos ir além da busca pela competição, queremos desenvolver ainda mais as pesquisas na área de engenharia de reabilitação. Ir além do puro conhecimento, queremos ajudar as pessoas. Unindo à dedicação e o melhor do homem, o melhor da máquina, ou simplesmente Ex Machina.

Facebook
exmachina@unifei.edu.br

Equipe Cheetah Racing

O Cheetah Racing é um projeto especial focado em construir um carro movido a combustão do tipo fórmula, e compete na Fórmula SAE. A equipe surgiu no ano de 2011, sendo que apenas em 2012 foi participar de sua primeira competição, quando foi considerada a melhor equipe estreante.

Atualmente estamos com 50 membros e na nossa organização nos dividimos em subequipes, onde possuímos grupos voltados para engenharia e para administração. Nas subequipes de engenharia temos: Freios, Aerodinâmica, Suspensão, Powertrain, Transmissão, Eletrônica e Estrutura. E para as subequipes administrativas temos: Gerenciamento de Projetos, Marketing e Operacional. Fazemos também uma divisão hierárquica, em que, para cada subequipe descrita há um capitão, além disso, contamos com um capitão geral. A fórmula SAE é uma competição que conta com etapas nacionais e internacionais. E, apesar de todas as conquistas, o Cheetah ainda não competiu internacionalmente. Nosso objetivo na competição é construir um carro do zero todos os anos, e assim, ao final do ano, competir, por meio de uma série de provas estáticas e dinâmicas.

Facebook
Instagram
cheetah.unifei@gmail.com

Equipe Dev-U

A Dev-U é um projeto de extensão da Unifei iniciado em 2018, que tem o intuito de desenvolver jogos e aprofundar o conhecimento dos alunos neste assunto. Sua ideia surgiu após a game jam “Code’n Play” realizada em 2017.

O projeto conta com 27 membros, divididos em 5 áreas, sendo elas: Artes, Programação, Gestão, Som e Game Design.

Os membros se envolvem com o desenvolvimento de jogos para as diversas plataformas, tendo enfoque na Mobile e PC, visando também participar de competições como game jams e disseminar conhecimento acerca das áreas de criação de jogos, através da divulgação de materiais nas plataformas do YouTube, Facebook e Instagram.

Além disso, o projeto prepara seus membros para desafios que poderão enfrentar trabalhando nessa área, pois engloba um dos mercados que mais cresceram e estão crescendo na atualidade, o de jogos.

Facebook

Equipe Saci Baja Sae

O programa Baja SAE BRASIL é um desafio lançado aos estudantes de Engenharia que oferece a chance de aplicar na prática os conhecimentos adquiridos em sala de aula, visando incrementar sua preparação para o mercado de trabalho. Ao participar do programa Baja SAE, o aluno se envolve com um caso real de desenvolvimento de um veículo off-road, desde sua concepção, projeto detalhado, construção e testes.

 A equipe Saci surgiu em 1999 e desde então projetou e construiu dez protótipos baja e participa anualmente de duas competições organizadas pela SAE Brasil. A equipe é dividida em subsistemas onde seus membros focam em uma área mais especifica do projeto, assim os membros podem escolher a área em que preferem trabalhar e podem ainda mudar de subsistema quando acharem necessário trabalhar em outra área na qual tenha afinidade.

Esta rotatividade dentro da equipe aliada à boa comunicação entre os subsistemas permite que os membros da equipe ganhem conhecimento de diversas áreas e assim se tornem profissionais mais capacitados e preparados para o mercado de trabalho.

Nossos membros aprendem colocando em prática o que é visto em sala de aula e também fora dela, pois adquirem experiência em softwares como SolidWorks, Ansys, Adams, Trello, Proteus, CorelDraw, Photoshop, Sony Vegas entre outros, além disso aprendem a trabalhar em equipe, a lidar com problemas não esperados e a planejarem suas atividades com o cronograma estabelecido. Todos têm total liberdade para dar novas ideais e testá-las na prática, além de ter contato direto e indireto com as empresas que patrocinam a equipe e com outros projetos e organizações de dentro e fora da Unifei.

O crescimento pessoal e profissional que um integrante da nossa equipe adquire é imenso e com toda certeza são aspectos que farão uma grande diferença em sua vida e futuro profissional.

Facebook
Instagram
equipesaciunifei@gmail.com

Equipe Wrecking Ball

A Wrecking Ball foi fundada em 2014 por estudantes da Universidade Federal de Itajubá, ela atua com concretos de alto desempenho, visando possibilitar aos alunos um aprofundamento no conhecimento aplicado sobre concreto, material base de toda construção, além de proporcionar o  desenvolvimento de habilidades, como criatividade, determinação, espírito de equipe, flexibilidade e outras. Em seu primeiro ano de competição, em 2015, no 57° Congresso Brasileiro do Concreto, evento realizado pela IBRACON (Instituto Brasileiro do Concreto), a equipe alcançou a 9° colocação.

Atualmente a equipe está apta a disputar em 2 modalidades, CONCREBOL e CONCRETO: quem sabe, faz ao vivo. Sendo que neste último, trabalhamos no desenvolvimento de CAA(Concreto Auto Adensável), que por muitos é considerado o concreto do futuro.

Facebook
Instagram
wreckingball@unifei.edu.br

Equipe Uirá Aerodesign

O Projeto Acadêmico Uirá Aerodesign nasceu em 2001, e consiste em projetar, construir, testar e voar uma aeronave cargueira rádio controlada em escala reduzida não tripulada, nas competições de Aerodesign.

Hoje a equipe participa da competição da SAE Brasil Aerodesign nas classes Regular e Micro, e conta com cerca de 30 membros estudantes da Universidade Federal de Itajubá.

Desde seu nascimento, a Equipe coleciona boas colocações. Em 2006, com o 2° lugar no campeonato nacional, a Uirá ganhou uma vaga na Competição AeroDesign East 2007, que aconteceu no Texas, EUA. Lá conquistaram a 3ª colocação geral, além dos prêmios de maior carga carregada, melhor trajetória de voo e excelência em engenharia e projeto. No ano de 2013, a Equipe se tornou a Campeã nacional e mais uma vez foi disputar na competição mundial, dessa vez, ficou em 4° lugar geral e manteve a 1ª colocação no quesito de maior carga levantada. Mais anos de vitórias 2014 2º lugar nacional rumo ao mundial em 2015 com a classe regular na Competição AeroDesign East 2015, em Lakeland, Flórida, EUA. No mundial, a equipe também obteve o 2° lugar geral, além dos prêmios de maior carga levantada e 2° melhor relatório técnico.

O último ano 2016 fomos contemplados com o prêmio de melhor apresentação oral na classe regular.

Facebook
YouTube

Instagram
uiraaerodesign@gmail.com

Equipe Uai!rrior

Criada em 2001, é formada por um professor coordenador, no caso o Prof. Dr. Tales Cleber Pimenta, e vários alunos dos cursos de graduação nas engenharias de Controle e Automação, Mecânica, Elétrica, Eletrônica, Computação, Produção, Química e ainda Biologia, todos da Universidade Federal de Itajubá – UNIFEI.

O intuito do projeto é desenvolver máquinas para competições de combate entre robôs, em várias modalidades e com diferentes objetivos. Os robôs são desenvolvidos a partir de projetos totalmente elaborados pelos estudantes e supervisionados pelo professor, utilizando toda a infra-estrutura cedida pela Universidade e pelas empresas que apoiam o projeto.
A equipe apresenta um modelo de funcionamento extremamente eficiente onde os integrantes são divididos em quatro subgrupos: Gestão, Visual e Marketing, Eletrônica e Mecânica.
A experiência proporcionada pela participação na Equipe é de grande valor para os alunos, pois possibilita o desenvolvimento de novas habilidades e da capacidade de resolução de problemas em diversas áreas, muitas delas diferentes do que normalmente encontrariam em seus cursos e na sala de aula.

Hoje, com a grande exigência do mercado por profissionais com dinamismo, o projeto se torna uma importante extensão da faculdade.

O desenvolvimento de habilidades como o trabalho em grupo, liderança (no caso dos líderes de cada área e do capitão da Equipe) e o trabalho sobre pressão, principalmente durante as competições, é um grande diferencial do projeto com relação à experiência dos alunos envolvidos e que constrói uma forte base para o futuro.

Um dos pontos fortes do projeto é, também, possibilitar ao aluno o trabalho em projetos que funcionam à base de tecnologia de ponta, construindo uma sólida bagagem ao engenheiro em formação e possibilitando já concluir a graduação com um conhecimento agregado de significativa importância em sua carreira.

Toda essa oportunidade de aprender faz com que o processo seletivo para ingresso no projeto, normalmente realizado no início de cada ano, seja bastante disputado, valorizando ainda mais o trabalho e a dedicação dos integrantes que deixam de lado férias e feriados em prol da pesquisa e do aprendizado aliado à diversão.

Site
Facebook
YouTube
Instagram
uairrior@gmail.com

Equipe EcoVeículo

O desafio que o EcoVeículo oferece aos estudantes é o de desenvolver protótipos veiculares de máxima eficiência, ou seja, veículos que apresentem taxas mínimas de consumação energética. Através da construção dos protótipos, os estudantes aprendem a gerenciar e executar um projeto do começo ao fim. Partindo do desafio da economia energética, o grupo se envolve com as mais diversas áreas, dentre elas mecânica de motores e transmissão, estrutura, sistema de direção, aerodinâmica, eletrônica, finanças, além das habilidades comunicativas que os integrantes desenvolvem ao se relacionarem com empresas e profissionais.

 O projeto participa de duas competições por ano: Maratona da Eficiência Energética (São Paulo, SP, Brasil) e Shell Eco-marathon Americas (Detroit, Michigan, EUA). Diante disso, o objetivo do projeto é incentivar a pesquisa, integrando, ao mesmo tempo, valores como o respeito pela diversidade social, controle energético e desenvolvimento sustentável. Por se tratar de um trabalho multidisciplinar que inclui grande diversidade técnica, o projeto estimula alunos com diferentes conhecimentos a trabalharem juntos, visando a máxima eficiência energética.

Site
Facebook
YouTube
Instagram
ecoveiculounifei@gmail.com

Equipe Cheetah E-Racing

A equipe Cheetah E-Racing fundada em 2013 pelo Ariel Rennó Chaves, aluno da Universidade Federal de Itajubá, tem o intuito de projetar e construir um carro tipo fórmula para participar da competição de Formula SAE, a maior competição de engenharia do planeta, a qual ocorre no mundo todo. Aqui no Brasil, ela acontece anualmente em Piracicaba – SP com duração de quatro dias, onde passamos por dois tipos de provas, dinâmicas e estáticas. O primeiro colocado na categoria elétrico é convidado para participar da competição que acontece nos Estados Unidos, em Michigan. Aqui no Brasil, infelizmente a competição de Formula SAE não é tão reconhecida igual ela é lá fora, nas competições do USA e da Alemanha os autódromos ficam lotados nos dias da competição e membros das equipes chegam a receber salários consideráveis.

Nossa equipe conta hoje com aproximadamente 50 membros, onde somos divididos por subequipes técnicas e administrativas. Nosso lema é “Fábrica de líderes”, pois todos aqui trabalham voluntariamente em equipe, dia, noite, madrugada, final de semana, feriados, férias, pois nosso tempo é curto, construir um carro em 365 dias não é uma tarefa fácil.

Patrocínio: http://www.usinainfo.com.br

Facebook
Instagram
cheetaheracing@gmail.com

Equipe Coyotes MotoRacing

Fundada em 2013, a Coyotes tornou-se a primeira deste gênero e até então única represente do Brasil na competição universitária internacional MotoStudent (única deste tipo). Em 2016 a Coyotes foi representante exclusiva do continente americano em Áragon-Espanha alcançando
resultados expressivos entre 10 países participantes e 39 equipes inscritas.

 Esta equipe tem como objetivo projetar e construir um protótipo de moto de alto
desempenho, representar o Brasil e UNIFEI e honrar nossos parceiros e
patrocinadores.

O projeto MotoStudent, promovido pela MEF (Moto Engineering Foundation), é uma competição desafiadora entre equipes universitárias de toda a Europa e diversos outros países espalhados pelo mundo para testar as habilidades dos estudantes como futuros engenheiros. O objetivo é projetar o melhor protótipo de uma moto de corrida, cumprindo os requisitos de segurança e dimensão especificados pelo regulamento. A competição permite a máxima flexibilidade no que se refere ao design da moto, com exceção de modificações no motor.

Facebook
Instagram
coyotes.unifei@gmail.com

Equipe Black Bee Drones

A Black Bee Drones nasceu a partir de um projeto de pesquisa no meio do ano de 2014, coordenado pelo Prof. Dr. Alexandre Carlos Brandão Ramos que atualmente é coordenador da equipe.

O projeto de pesquisa se transformou em Projeto de Competição Tecnológica no início do primeiro semestre de 2015.

A equipe é composta atualmente por 23 membros, subdividida em equipes de Eletrônica, Gestão e Mecânica.

Temos como objetivo o desenvolvimento de aeronaves não tripuladas capazes de realizar missões complexas que requerem alto nível de inteligência artificial.
Em 2015, participamos da IMAV Competition (International Micro Air Vehicles), realizada em Aachen na Alemanha.

Além da competição, o evento conta com uma conferência onde ocorre a apresentações de diversos trabalhos e artigos que estão relacionados com o tema de veículos aéreos não-tripulados.

Um dos fundadores da equipe apresentou um trabalho que faz parte da sua tese de mestrado em Ciência e Tecnologia da Computação da UNIFEI.

A Black Bee Drones conquistou o terceiro lugar e arrancou elogios de todos os organizadores que ficaram extremamente surpresos com o fato de termos vindo de tão longe, termos sido tão bem-sucedidos logo na primeira participação e contarmos apenas com integrantes de graduação, diferente de todos os outros times onde os integrantes são mestres, doutores e PhDs.

Esse fato fez com que conquistássemos ainda um prêmio especial entregue pela organização e mais seis licenças do MATLAB e Simulink, além do troféu de terceiro lugar.

Site
Facebook
Instagram
blackbeeunifei@gmail.com

Equipe Beyond Rocket Design

A Beyond Rocket Design é uma equipe universitária de foguetes que trabalha em projetos e confecções de minifoguetes e foguetes de alta potência. O trabalho é dividido entre 4 subequipes principais (gestão; estrutura e aerodinâmica; sistemas elétricos; propulsão). A equipe pode participar de duas competições brasileiras (Festival Brasileiro de Minifoguetes e COBRUF) e uma competição mundial (Spaceport America Cup).

Atualmente, a Beyond RD possui 5 prêmios, sendo vice-campeã brasileira do Festival Brasileiro de Minifoguetes.

Facebook
Instagram
rocketdesign.beyond@gmail.com